Feeds:
Posts
Comentários

Archive for novembro \19\UTC 2007

Oi gente

Vez passada eu desabafei um pouco com vocês e agradeço a solidariedade de todos que me escreveram, foi muito gratificante e fortalecedor.  Agora uso o mesmo espaço para registrar momentos felizes que estou passando.  Atualmente, estou me amando muito, isto é a coisa mais importante pra nós. Pois isto ja está no Mandamento da Lei de Deus:

Amar a Deus sobre todas as coisas e ao próximo como a ti mesmo.

                                                                                                                                                                                                                         

Se voce não se ama, não poderá dizer que ama ao próximo, pois, tem que amar o próximo da mesma forma que se ama a si próprio (vai ai uma redundância para exagerar propositalmente no sentido da frase).

Além disto, está chegando a época natalina que é um período muito agradável de Confraternizações e Encontros, já enfeitamos nossas casas e nossos locais de trabalho de forma diferente, abusamos das luzes coloridas e com isto deixamos nossa vida também mais colorida. É um tempo de alegria e não devemos nos entristecer por motivos pequenos e coisas passageiras.

Também estamos com uma visita muito querida: Mercinha, tem um congresso de Geofisica no Rio de Janeiro e marcou presença por aqui antes do evento e quando ele acabar ela virá para passar uma semana conosco.  È sempre uma alegria ter filhos em casa, nem que seja pra um findi como diz Marcinha ao se referir ao fim de semana. Parece que a casa se ilumina, tem mais vida, mais energia, sei lá… so sei que é uma sensação muito boa!

Aproveitaremos este período para conversar bastante, ir a shoppings,  praia, médicos e dentista, renovar carteira de motorista, assistir filmes, encontrar amigos e parentes e comer tudo que gosta e não tem lá nas terras distantes (Trondheim/Noruega), onde ela vive .

Gostaria também de registrar noticias de dois sobrinhos que muito me alegraram neste fim de semana:

1. O  Casamento de Suzana, no dia 15 de dezembro, que com certeza, se Deus quizer, estaremos presentes, para comemorarmos.

2. A aprovação de Rafael na FAFICA para o Curso de Ciencias da Computação.

Parabéns aos dois, que Deus os abençôem e os façam muito felizes… Parabéns aos Pais, pois creio que estão tão  eufóricos quanto os filhos.

Então gente, vendo tudo isto só podemos nos alegrar e convidar a todos para partilhar conosco destes momentos felizes…

Beijo pra TODOS

Anúncios

Read Full Post »

Oi gente

Hoje eu passei o dia meio pensativa. Sabe aqueles dias que voce é acometida de uma tristeza e não sabe de onde vem? Voce pensa que nada no mundo tem valor pra voce e que voce é a pior das criaturas? Pois é, mais ou menos isto. Meio desanimada pra escrever, sem querer conversar, só ficar parada sem fazer e nem pensar em nada…

Acho que quando estamos assim, não dá pra tomar decisões, pois seria um verdadeiro fiasco e as vezes até cometeríamos injustiça. Temos que parar tudo, mergulhar dentro de nós mesmas e pedir a Inspiração de Deus Nosso Pai, para sair deste marasmo que só nos faz mal. Muitas vezes nos vem uma sugestão soprada ao pe do ouvido, que pode ser do nosso anjo da guarda e se seguimos esta intuição, parece que nos damos bem. 

Deitei e comecei a pensar em toda a minha vida, no quanto trabalhei desde os 14 anos, para gerar renda e somar a renda da familia para ajudar a alimentar os irmãos menores que eram muito. Mas não pensem que isto me fez mal, ao contrário me fez um bem danado, pois me sentia útil e poderosa, apesar de tão jovem e me deu uma maturidade precoce.  Imaginem que me aposentei aos 39 anos!! e não foi trambicagem não , foi tudo dentro da lei…

Minha carteira de menor foi assinada como “auxiliar de Professora” e esta foi minha única e valiosa profissão. Ganhava pouco em dinheiro mas muito em prazer e Felicidade, que é a palavra correta que explica a sensação de fazer uma criança aprender a ler. Antes não havia nenhuma barreira de idade e era so completar os 25 anos de trabalho e a aposentadoria estaria garantida. Então 14 anos mais 25 de trabalho igual a 39.

Após isto fui procurar fazer outras coisas, fui vendedora de roupas e depois fui ser professora da FUNESO.  Surgindo ai a possibilidade de ir estudar Mestrado e Doutorado em Botânica, o que me proporcionou trabalhar com Bolsas de Pesquisa, o que faço até hoje.

Investi muito na familia, casei muito cedo  (com 20 anos) e aprendi a viver e a criar filhas,  dando cabeçadas aqui e acolá. Mas valeu a pena e este é o segmento da minha vida que me deixa muito FELIZ!

Acho que a única coisa que em  que vacilei foi no cuidado comigo mesmo. Logo cedo deixei de me amar, e perdi um pouco de minha auto estima. Deus colocou grandes desafios em minhas mãos e com a minha pureza de jovem inocente tentei resolvê-los e em alguns me dei mal. Acho que ainda hoje sinto isto acontecendo algumas vezes embora nao seja mais tão pura e inocente… Não vou falar sobre estas coisa mas tenho uma mensagem para mim mesma e para os jovens, escrita por uma amiga muito querida mas que cabe muito bem aqui:

Devemos  refletir com a Alma e mudarmos diversas atitudes equivocadas nossas.
Vamos  abrir, escancarar as portas severamente fechadas que existem no nosso
coração e dizer: – Preciso e desejo, imensamente viver mais feliz! Necessito 
definitivamente me libertar do que me oprime, prende, ilude, martiriza,
paraliza, assusta, enfim… me faz sofrer!
O bem embeleza, renova, felicita e só atrairá o que é bom.
Pensemos na importância de criar, cuidar, mudar, transformar, reparar, fazer
brotar de novo algumas de nossas atitudes. E assim de tudo buscar a DEUS. Tirar sempre alguns minutos do dia para conversar com ELE…

Estou tentando sempre por em prática isto e saibam que é muito dificil, as vezes somos imcompreendidas, mas acho que sempre haverá um tempo para as coisas se aprumarem e sermos FELIZES!

Sucessos!

Um beijo pra TODOS

Read Full Post »

Dia de Finados…

Hoje no Brasil é feriado, é o dia de Finados, quando se cultuam os mortos. Quando eu era criança, este dia tinha um caráter solene, fúnebre. As estações de rádio so tocavam música clássica ou mesmo música só orquestrada, mas bem suave. Não se bebia e guardava-se luto. Hoje ao contrario, é praticamente um dia de Festa. Os cemintérios abrem para visitação festiva e há celebrações de missas e programações artistico-cultural o dia inteiro. Em São Paulo, hoje, está havendo uma grande festa em Interlagos com apresentação de muitos artistas e culminará com uma missa festiva de Padre Marcelo Rossi.

 O Culto aos Mortos é uma das mais antigas celebrações. Ela surgiu em Cluny, na França, no século I, e foi feita pela primeira vez por um abade, o santo Odilon (monge beneditino, no ano 998) que pedia aos outros monges que rezassem pelos mortos e estabeleceu esta comemoração solene para orar por aqueles que estavam no purgatório. Os Cristãos, primitivamente recordavam em seus lares, seus entes queridos já falecidos.

Depois, pouco a pouco, esse culto doméstico foi se transformando numa festa mais abrangente. A partir daí os cristãos visitavam os túmulos dos mártires para rezar pelos que morreram.

No século V, a igreja dedicava um dia do ano, o mesmo de todos os santos (1 de novembro) para rezar por todos os mortos, pelos quais ninguém rezava e dos quais ninguém lembrava. No século XI, o calendário litúrgico cristão incorporou o Dia de Finados, que deveria cair no dia 2 de novembro para não se sobrepor ao Dia de Todos os Santos, comemorado no dia 1º.  No entanto só no século XIV, Roma aceitou esta celebração, que se estendeu a toda cristandade e aos dias de hoje.

A Comemoração a todos os mortos possui uma grande riqueza espiritual a ser cuidadosamente aproveitada. Como costuma dizer o padre Marcelo Rossi “Pensemos em nossos mortos com alegria: Saudade sim, tristeza nunca!”.  É o Dia do Amor, porque amar é sentir que o outro não morrerá nunca.  Eu, aqui pra nós, não costumo visitar  cemintérios, principalmente neste dia, pois sei que não é meu ente querido que está ali e sim os trapos da veste de carne que ele vestia. Daí costumo me lembrar com carinho e render minhas homenagens, com minhas orações silenciosas, aos meus parentes: avós, tios, primos, meu irmão Nito, minha mãe e mais recentemente nosso anjinho Camille, que se foram até que nos encontremos  no Reino de Deus. 

Portanto, o Dia de Finados, é o dia da celebração da vida eterna das pessoas queridas que já faleceram, pois, em toda morte, deve haver uma nova vida. Esta é a esperança de quem  crê em Deus. Pois, como esta dito no nosso Livro maior “A Biblia”, “Bem-aventurados os mortos que morreram no Senhor, que descansem dos seus trabalhos, porque as obras deles os seguem”  – Apocalipse 14:13.

 

Um beijo pra TODOS

Read Full Post »